Fechada em botão... 







Uma flor que chora
Em plena manhã que ri


Mais triste é quando as manhãs choram,

Porque aí ...

as flores abotoam os sorrisos

e se esquecem de florir






( synergía de foto e poesia )

7 comentários:

Wania disse...

Nelson querido!


Que bom que tu gostaste, tuas fotografias sempre me inspiram! Com esta, em especial, me identifiquei!


Sempre é prazer para mim estar aqui neste teu espaço!


Bj de orvalho

Lara Amaral disse...

Suas fotos são mesmo inspiradoras, Nelson. E a poesia da Wania, de uma delicadeza em flor. Perfeita sintonia!

Beijo.

Marina Linhares disse...

Perfeita combinação: imagem x poesia.

Samara Bassi disse...

Um florescer constante, um arco íris nos olhos, por todos os dias, até quando adormecem.

Lindos, os dois!

Muahhhh!

Sam.

mfc disse...

Um poema delicioso para uma foto que é de uma rara beleza!

Luiza Maciel Nogueira disse...

linda foto e poema! sincronia de versos e imagens é tão bom

beijos

Lacorrilha disse...

Ai que fotografia mais linda, essa gotinha ficou com uma definição perfeita.